Candidato a Presidência do Corinthians provoca Palmeiras e Flamengo, e diz que o Corinthians é Mais Rico

Candidato a Presidência do Corinthians provoca Palmeiras e Flamengo, e diz que o Corinthians é Mais Rico

Antonio Roque Citadini, um dos candidatos à presidência do Corinthians para os próximos três anos, participou do programa Bate-Bola Na Veia, da ESPN, nesta terça-feira (23), para revelar seus planos

Leia tudo

Antonio Roque Citadini, um dos candidatos à presidência do Corinthians para os próximos três anos, participou do programa Bate-Bola Na Veia, da ESPN, nesta terça-feira (23), para revelar seus planos para o Timão caso seja eleito.Ao ser questionado sobre o por que o Corinthians deixou de rico e quando o clube vai alcançar Palmeiras e Flamengo em termos de riqueza, Citadini pediu calma com os elogios aos rivais. “Vamos com calma nisso. Aqui na ESPN eu vejo que vocês ficam elogiando bastante o Flamengo, que organizou as finanças… vamos com calma, não é bem assim.”“O Corinthians comete um erro, porque é fundamental para ele nesse momento conseguir o equilíbrio das suas finanças. Não dá mais para fazer o que fez o Roberto nesses anos todos, de ficar antecipando receita, prorrogar o contrato com a Nike, prorrogar o contrato com a Globo… chega uma hora que esgota a capacidade de antecipar receita. Eu não acredito nesses dois que vocês estão falando (Flamengo e Palmeiras) que são ricos. Ricos nós somos mais do que eles. Nós temos a maior riqueza, nós temos torcida. Nós somos o maior time no maior mercado, que é a região sudeste. A riqueza quem tem somos nós. Os outros têm um pouco de dinheiro, mas também não sei se tem tudo isso. Nem o Palmeiras e nem o Flamengo”, analisou.Citadini ainda fez questão de citar o estádio que está sendo utilizado pelo Flamengo – a Ilha do Urubu. “O Flamengo joga em um estádio menor que o Parque São Jorge. Imagina se nós estivéssemos jogando no Parque São Jorge, o que estariam jogando na nossa cabeça. Eles jogam em um estádio menor e nem muito melhor.”